Páginas

domingo, 15 de fevereiro de 2015

Ana Hickmann se prepara para desfilar e improvisa brilho corporal no chuveiro.

Além disso, apresentadora fez as próprias unhas para representar a Vai Vai no Sambódromo paulistano.


Ana Hickmann desfila na madrugada deste domingo (15) pela Vai Vai, em São Paulo. Antes de colocar a fantasia, a apresentadora resolveu improvisar um brilho corporal e passou uma base para o corpo dentro do chuveiro. Prendada, ela também fez as próprias unhas para sair na avenida.

Em entrevista exclusiva à QUEM, ela confessou sua ansiedade para entrar no Sambódromo: “Parece que é a primeira vez que eu estou desfilando. Estou muito ansiosa, ainda mais pelo motivo que me fez não desfilar no ano passado. Não tem como não ficar ansiosa, sempre é uma nova estreia, uma nova fantasia”.

Para entrar na avenida, Ana teve que recorrer aos avós de Alexandre, seu filho. “Foi difícil deixar ele lá hoje”, confessa, toda coruja.

É o quarto ano de Ana Hickman desfilando pela Vai Vai e ela sairá na avenida vestida de bailarina, com fantasia feita por Bruno Oliveira. Questionada sobre preparação para o Carnaval, ela disse que não fez nada específico, apenas a manutenção de todos os quilos que perdeu após dar à luz. “A única coisa que não consegui esse ano foi a malhação”, confessou.

Embora atualmente tenha que se dividir entre apresentar o programa Hoje em Dia, cuidar dos negócios da família e criar o pequeno Alexandre, Ana afirmou que consegue cuidar de tudo, inclusive dos ensaios da escola de samba. “Tudo é organização, só perdi o último ensaio. Consigo conciliar tudo”, disse. “Eu tenho uma relação muito próxima com a escola”, completou.

Sobre os negócios da família, ela comentou com felicidade o sucesso: “A empresa cresceu muito, estamos em quase toda Europa e Ásia. Eu quero levar tudo o que eu faço no Brasil para o resto do mundo”, disse.

Ainda sobre conciliar todo o trabalho, Ana admitiu que tem que lidar com bastante coisa, mas que sabe que tudo acontece por uma boa causa. “Eu sei que aquilo que estou fazendo não é só por mim. Hoje eu sei o motivo do meu trabalho. De estar fazendo tudo o que eu faço, de construir... Tudo é por ele”, finalizou.
















Fonte : Quem 

0 comentários:

Postar um comentário